terça-feira, 30 de setembro de 2008

macho pra caralho

Se poder dizer que:

Pago as próprias contas ( mesmo com muitos meses de atraso)
Não moro de favor, na casa dos pais, de amigos
Trabalho naquilo que amo de paixão e muitas vezes isso me diverte pra caramba
Não tenho vergonha de dizer do que gosto. Gosto do bom comer, bom beber, etc, etc, etc...
Não levo desaforo pra casa
Aprendi a me defender. Sei bater e sei apanhar
Minha boca é dura e minha mão pesada
Sou mais forte que a média, carrego butijão, caixa de som, chuto porta, o que for necessário na hora do aperto. Me viro.
Tenho quem me defenda. Tanto aqui como lá no alto
Tenho boca de se fudê
Não tenho medo de trabalho
Não tenho medo de barata, nem de rato, nem de cobra. Mas corro por segurança
Aguento um tranco porreta. Balanço mas não caio.
Espero. Espero com paciência taurina a hora certa. E quando ela chega, dou o bote
Posso ser muito boa, mas sei que posso ser muito dura também. Implacável. Corto cabeças sem piedade. Apago pra sempre e nunca mais olho pra trás.
Dirijo carro, piloto moto, sei a diferença entre bombordo e estibordo, popa e proa, toco violão, troco pneu, resistência de chuveiro, furo parede, pego jacaré, jogo frescobol, voley, fiz karatê, yoga, me meto em enduros, faço crochê, cozinho bem, sambo direitinho sozinha ou acompanhada, cuido de casa, faço música, lavo banheiro, gravo cd, penso em livro, faço show, escrevo roteiro, conto história de improviso, leio entrelinhas, choro escondida, gargalho escandalosamente em público, falo palavrões medonhos, não jogo pra perder, tenho desprezo pelos mentirosos e covardes, boto dedo na cara da hipocrisia mesmo, sei ofender na lingua dos sinais e sei dizer te amo também.
Tenho história, passado e experiência. Tá tudo na cara, no corpo e na alma

Se isso tudo me faz "macho pra caralho", cacetada, sou macho pra caralho com muito orgulho!
Afinal, alguém tem que ser. Por que não eu?
E se estou fazendo sombra, damos um passinho pro lado porque tem sol pra todo mundo.

6 comentários:

Georgiana disse...

Vixe, to macho também! Não limpo casa, não troco chuveiro (aliás, grito feio, igual mulherzinha quando pipoca e o marido, nem tão paciente, arruma e arruma tudinho de caquinha que faço), mas, vamos assumir nosso lado macho pra caralho! Eu mato barata, morro de nojo de rato e, bem, de cobra... só correndo mesmo, vai saber se a danada tem veneno, né???
bom-dia aí!

Tatiana disse...

Isso aí, mulher
Vamos bater a piriquita na mesa.
Mas com cuidado porque dói!

ariadne disse...

Conclusão , continua sendo minha ídala.

PS: já consigo realizar 50% da macheza.

bjs

Tatiana disse...

Ariadne,

50% tá bom pra cacete!

MARIA DE SANTOS disse...

EU 40%, E OLHA QUE EU ME GARANTO.

FIGBATERA disse...

Eita mulher "porreta"...