sexta-feira, 27 de outubro de 2006

Estava eu em casa ontem à noite quando percebo um outro som vindo da cozinha, alguma coisa na minha memória me avisou, uma sensação súbita e eu me levantei e fui até lá.
QUEM TAVA LÁ? QUEM? QUEM?
MIRÓ, meu gato Miró que me abandonou quando eu trouxe Hermeto aqui para casa. Ele veio filar uma boquinha! Uma emoção imensa eu senti.
Mas tava todo estrupiado, todo arisco, parecia que tinham enrolado ele em um arame farpado. Coitado. Magrinho, magrinho.
Me viu, correu para fora, deu de cara com a Tila, a cachorra mais fedorenta do mundo, ela lhe deu uma molhada lambida no nariz e ele não resistiu e relaxou.
Peguei no colo, coloquei mais ração na tigelinha e aproveitei, enquanto ele comia para das seqüencia a minha série de entrevistas.

Como você se define?
miow

Por onde você andou? O que viu que te causou surpresa e delícia?
miow

Carne ou frango?
miow

Por que você foi embora?
silêncio total e ele começa a se dirigir para a porta, saio correndo atrás, meu bloquinho nas mãos, ele começa a atravessar as grades do portão e eu berro para uma sombra que quase virava a esquina

Você tem medo de água fria???
miow...

Ele senta e lambe as patinhas e eu posso continuar.

Como você vê as relações inter-raciais? Por exemplo, o amor entre Tom e Jerry? Você se choca com esse tipo de relação?
miow

É comum ouvirmos as pessoas gritarem para seus felinos que se eles encherem muito o saco, vaõ ser transformados em tamborim. Qual é a tua relação com o samba e com o tamborim, mais especificamente?
miow, miow, miow.

Caçar passarinho eu compreendo, mas qual é a graça de brincar com baratas?
miow miow

Lamber o próprio furico dá dor na coluna?
wiow

Você concorda com o dito popular que diz que cu de jegue é gavetão?
miow

E com aquele outro: cu de bêbado não tem dono?
miow

Seu cu tem dono?
miow!!

Você comeria o Piu-Piu?
MIOW!!

Você daria para o Chico Buarque??????
MIOW!!!!!!!!!!!!!

Ha ha haha .
Entre esses quem você mais admira: Leão da Montanha, O Tigrão da caixa de sucrilhos ou Manda Chuva?
Miow.

E foi se indo pelas esquinas do meu bairro, aquele jeito blase, o rabo apaontando para cima e eu, suspirando por ele, feliz com a sua volta. Achando ele tão viril...
ai ai
Ele voltou para mim.


3 comentários:

Mamy disse...

Seu gato arisco é bem taciturno, comedido com as palavras. Mas a gente nota grande sabedoria no felino.

Ronaldo Faria disse...

Cuide dele. Cuide de você. As voltas sempre são benfazejas... Sejam quais forem...
Ronaldo, ouvindo Negra Lee.

quina vida disse...

moça! impossível não passar por aqui.

poderia ter ficado um post melodramático, mas tu deu a volta. adorei!

valeu!

marcinho