segunda-feira, 7 de julho de 2008

Maria Bethânia é o cara!

Você não me conhece.

Eu tenho que gritar isso porque você está surdo e não me ouve.

A sedução me escraviza a você. Ao fim de tudo você permanece comigo mas preso ao que eu criei e não a mim

Enquanto mais falo sobre a verdade inteira um abismo maior nos separa.

Você não tem um nome. Eu tenho.

Você é um rosto na multidão . Eu sou o centro das atenções.

Mas a mentira da aparência do que eu sou e a mentira da aparência do que você é, porque eu não sou meu nome e você não é ninguém.

O jogo perigoso que eu pratico aqui , ele busca chegar ao limite possível de aproximação através da aceitação da distância e do reconhecimento dela.

Entre eu e você existe a notícia que nos separa.

Eu quero que você me veja a mim.

Eu me dispo da notícia e minha nudez parada te denuncia e te espelha.

Eu me delato, tu me relatas, eu nos acuso e confesso por nós.

Assim me livro das palavras com as quais você me veste.



3 comentários:

Carol Tafuri disse...

oieeee
Vim fazer lamentações,
quer dizer, vim comunicar que o meu blog amado de 6 anos deixará de existir. (Contra a minha vontade).
A empresa que cuida do serviço de blog enviou um email para os usuários dizendo que daqui 5 dias eles irão excluir todos os webloggers e não nos deram o direito nem de dizer bye bye, nem de digitar mais nada.
Mesmo assim, com uma dor no coração tremenda de ter perdido 700 post que fizeram parte da minha história... criei um outro novinho em tela.
http://www.caroltafuri.blogspot.com

Passe por lá.
Obrigadinha
Carol Tafuri

Carol Tafuri disse...

Então. Eu até poderia fazer um controlC - controlV, porém são 700 textos. Me falta tempo para tudo isso.
Me disseram para selecionar só alguns....
Que injustiça com os outros textos abandonados. Por isso preferi meter uma faca no peito e partir pra outro...
É a vida!

Tatiana disse...

Isso aí, então! Bola pra frente!