quarta-feira, 14 de maio de 2008

Eu queria um aquecedor aqui pertinho. Não! Eu queria uma lareira fazendo barulhinhos e enchendo de sombras o quarto. Queria estar sobre um cobertor felpudo e ter meu corpo coberto de óleo perfumado. Lavanda, óleo de lavanda...e queria que meu massagista japonês, o Yakissoba, estivesse fazendo shiatzo em cada pedacinho do meu mimoso pé. A cada apertadinha, um suspiro. Depois ele trabalharia naquela partezinha do ombro que sempre que eu fico cansada faz crec-crec e desfaria todos os nós que eu tenho no corpo. Desceria pela coluna, esticaria, alisaria, apertaria minha pele até que ela ficasse vermelha e macia.
Nenhuma palavra seria dita.
De fundo, meus cd's de música bicho-grilo. Um incenso gostoso perfumando o ar.
Aí eu dormiria e meu massagista Yakissoba me cobriria com um belo cobertor e eu ressonaria até o dia amanhecer.
Esse é meu sonho de consumo: um massagista japonês de plantão vinte e quatro horas.
Que, de quebra, ainda lavasse as minhas roupas e fizesse pastel de palmito ligth com óleo novinho em folha.
Ai ai...
Um dia consigo isso...

7 comentários:

Vivien Morgato : disse...

adorei o visual do blog, a foto ficou demais, as cores tb.
O japa massagista-fazedo-de-pastel-light-com-óleo -novo tb é maneiro...rs
beijos.

Gisele Lobato disse...

o que vem a ser palmito light? ou seria "pastel de palmito" light?

Gisele Lobato disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luciana Farias disse...

Uia, ficou lindo aqui!!!!

aff, eu também quero um massigista japonês para cu8idar dos meus crec crec no ombro e pescoço, e que passe as minhas roupas, HAHAHAHA

beijocas...

Tatiana disse...

Vivie
Eu descobri que Ugo tem talentos para mexer em imagens. To abusando dele!
hehehehehehheheheheheh

Tatiana disse...

Gisele,
Palmito ligth é um palmito plantado em solo com baixa alcalinidade, rico em extrato de potássio, pobre em gorduras polissaturadas e regado com chá verde, três vezes ao dia ,que é excelente para aumentar a queima calórica.
Palmito ligth é assim...
Um luxo!

Tatiana disse...

Luciana
Assim que eu tiver um, te empresto!
Prometo!