domingo, 18 de fevereiro de 2007

Saí no Berra Vaca sexta feira e me diverti deveras!
Não fui fantasiada porque fui direto do bar para lá, mas mesmo assim me senti fantasiada.
Fantasiada de cantora pós apresentação.
A coisa foi tão animada que estou hoje com um puta torcicolo, entrarei em medicação para aliviar a dor, e mendigo massagens sem vergoha nenhuma.
Consegui uma hoje e descobri que posso amar loucamente uma pessoa que consegue ver com os dedos, que consegue me amassar as carnes e me fazer gemer.
Não consegui resistir e disse:
-Eu acho que te amo loucamente. Casa comigo?

Minha amiga caridosa, cheia de óleo de maracujá nos dedos, responde:
-Eu sei que isso não tem conotação sexual, mas não pega bem você ficar falando isso para mim. Vai lá que eu to carente e acredito!
Pelo sim, pelo não, me largou na hora.

Fui abandonada sem piedade!

O paraíso é uma local onde posso deitar em uma maca e um homem que eu realmente ame loucamente me massageie o corpo com óleos perfumados e me faça relaxar e gemer.
Meu reino por um massagista japonês de plantão 24 horas em casa.
Yakissoba, meu massagista oriental, cade você? Cadê você, homem de Deus?

E ainda tem três dias de Carnaval.
Não sei o que será de mim.

4 comentários:

perla disse...

rsrsrs
Meu sonho tbm!

Anônimo disse...

Berra-Vaca...só podia ser na terra do Boi Falô mesmo, eheheheh

Carlos disse...

Não gosto de ficar anonimo...

Lígia Moreli disse...

Concordo. Massagem é TUDO de bom. Queria massagens diárias. Bem que eu tento, peço, mas nunca consigo...rs.
beijos