terça-feira, 6 de fevereiro de 2007

EU FAÇO MACUMBA

Diante desses fatos recém descobertos resolvi acionar meu kit macumba ieiê, kit macumba ôba ( citação ao hit tropicalista Bat Macumba- do Gilberto Gil).Todo mundo tem que ter um kit proteção-cósmica-de-emergência na bolsa, no carro, em casa, em algum lugar e eu, crédula qe sou, tenho tudo. Ou pelo menos, tenho alguma coisa em algum lugar.

Velas
Velas são ótimas. Mas eu prefiro as de sete dias porque são maiores e mais pesadas. A questão é só mirar direitinho e cabum! Mata o olho gordo na porrada!

Turmalina preta
Funciona no mesmo princípio das velas, por isso gosto das imensas. Meio difícil carregar no corpo, mas se a situação tá preta mesmo, vale o esforço. Faz tipo um colar. Vai ficar meio corcunda, mas é fácil de pegar, já está quase a mão. Acerte na cabeça.

Ferradura
Eu tenho uma bem enferrujadinha. Muito legal porque você joga e dependendo do jeito que joga ela pode voltar para você. Um bumerangue místico. Se não matar na porrada, mata de tétano.

Prego de ferro
Eu tenho um que roubei de uma ferrovia. Adoro também. Se a Coisa Ruim estiver longe, dá pra jogar, mas se estive perto e se a raiva for grande, dá pra cravar no meio da testa. Mas depois pegue de volta pra não perder uma peça tão útil. Ou se a Criatura estiver de costas...bem..pelas costas dá pra encaixar em um lugar excelente. Neste caso, eu não pegaria de volta.

Sapo
O coitado do sapo sempre se ferra nessa história de macumba, coitado, porque tem que pegar o nome do tal que te importuna e colocar dentro da boca do bichinho e costurar. O sapo morre de fome e a pessoa morre lentamente junto. Aprendi isso em uma letra que Aldir Blanc fez. Eu não tenho coragem de fazer isso com um sapo, sacanagem com o sapo. Mas dá pra ter um sapo de cerâmica com uma boca aberta, então a gente pode ser ecológico. Pega o sapo de cerâmica ( ou borracha, ou de pano, qualquer sapo de mentirinha), abre a boca dele, escreve em um papelzinho o nome do ser maléfico. Caso não saiba o nome põe assim: aquele filho da puta que quer me foder. Isso pode causar uma matança em série, dependendo da quantidade de gente que quer te foder, mas é o risco do jogo. Aí você liga o som e coloca funk carioca tocando aos berros por sete horas. Saia da casa para não sobrar pro teu lado alguma rebarba mágica. A pessoa que tem o nome escrito sentirá uma vontade incontrolável de ficar atoladinha, ficará cantando, aos berros, dako é bom, dako é bom e de procurar o bonde do tigrão. Uma loucura.

Xixi
Xixi é um santo remédio para afastar energias negativas.
Então tem que fazer assim. Carregue dois litros de xixi e jogue sobre a pessoa que quer te fazer mal.
Sai correndo depois. Rápido.

Rezas e mantras
Essa é super legal. Você fica fazendo um repetição constante de uma frase de poder protetora.
Eu mudo conforme o estilo da mequetrefe que quer me foder.
Se for gente com gosto musical refinado repito sem parar: sai da minha aba, sai pra lá sem essa de não poder me ver, sai da minha aba, sai pra lá não aturo mais você, é!
Isso, depois de umas três, quatro horas, mata qualquer um.
Se for evangélico, canto histericamente pontos de candomblé, de preferência em iurubá. Adoro inventar palavras. Ninguém sabe mesmo o que tô cantando.
Se for do candoblé, berro: segura na mão de Deus, segura na mão de Deus, segura na mão de Deus e vaaaaaaaaaaai!
Se for pagodeiro, aí eu mando: junte tudo que é teu, teu amor, teus trapinhos, junte tudo que é teu, e saia do meu caminho...

Se cantar desafinado o efeito é muito maior.
Eu sempre que posso capricho nesta parte.

Com esses recursos místicos, afasto qualquer malefício que me persiga.
Ai, ai, nada como ser uma mulher de atitude.
Macumba neles!





12 comentários:

Vivien disse...

com esa neo-trans-pós-new-macumba, ninguém te segura...hahaahhah

Tatiana disse...

não é tudo de bom???

Perla disse...

Sabe q eu nunca tinha pensado em ter um kit macumba... Até hoje...

Ana Paula disse...

virginossinhora... imagina o q a outrinha lá tá pensando de vc agora...rs...
pensando, não, né...agora ela tem certeza!
ahahahahahahahahahahahahahahahaha...

Vivien disse...

e a retardada ainda não gosta do blog? mostra ela pra gente...ehehehehh

Claudia Lyra disse...

Eita, que esse kit é tudibão mesmo! Todos devíamos ter um, com blog ou sem blog.

Bruno Ribeiro disse...

minha querida, me liga amanhã. não consigo mais deixar scrap no orkut. queria vê-la.

Anônimo disse...

Quanto cobra para fazer uma macumba,,uhauhauhaauha

Tatiana disse...

Eu não cobro para macumbar.
Mas podemos conversar sobre assessoria macumbística!
Sou daquelas: faça você mesmo!

Anônimo disse...

nossa eu chorei de tanto rir kkkkkkkkkkkk muito bom o kit macumba ,,,,,,,,,,

Anônimo disse...

gostaria se saber se voce sabe de uma macumba. tem um sapo meio cinza la perto de casa que nos nunca tinha visto antes e na casa que nos encontramos ele tem 3 buracos fundos no gramado que nos achamos que ele vao para dentro da fossa, isso é uma macumba ou o que pode ser isso?

Anônimo disse...

amei ,legal hehehehehehehe