quinta-feira, 24 de agosto de 2006

O moço que estava me fazendo a corte se revelou um maluco de pai e mãe.
Realmente, ele deve ter algum desequilíbrio e eu, para não mudar o eterno costume, só atraio loucos!!
Vendi um plano de saúde para o tal e , por isso, ele tem meu celular e agora ele manda várias mensagens diárias, mensagens de fé, bom dias e boas noites, o que os astros estão dizendo sobre o amor, me liga em todas as horas para me dizer um alô, perguntar besteiras que ele está careca de saber. Deixa bilhetes nos bares que eu vou tocar, ou passa por eles e me dá um tchauziho de longe. Começou a me dar um certo nervoso.
Um dia desses eu estava cansada, suada, fedida, com fome e perdida em Vinhedo, dirigindo e tentando achar o endereço. O telefone toca e lá vem ele com aquele papo furado. Eu estava cansada e perdi um pouco a linha, fui ríspida, pouco gentil. Ele não gostou e foi ríspido de volta e me lançou a frase que me deu um frio na barriga:
- Vou te ver lá no show e ai de ti se eu te encontrar com alguém.
Caralho. Glenn Close total.
Esse cara é maluco.
Então se eu sumir, se for encontrada toda cheio de buraco de bala, se derem sumiço em mim, sei lá, se alguma merda dessas acontecer, é só falar para polícia que no mês de julho em vendi um plano para um cara com mais de quantenta anos. Não vou botar o nome dele aqui, mas se eu me foder, manda procurar o cara!!
Ai, que nervoso!
Pedi ao Bruno, que toca comigo, para me dar uma força se o maluco aparecer na Praça e fizer alguma coisa. Sei lá, dar uns cacetes, uns berros, dar uma prensa.
Se bem que maluco que é maluco, não tá nem aí.
Ai, que nervoso!

9 comentários:

Anônimo disse...

Amigo anônimo te aconselha não ficar dando muita moleza, como inclusive o que se escreve no blog. Pode ser perigoso pra ti, moça.

Bruno Ribeiro disse...

Passa o blog para o cara ler. Quem sabe ele se toca e vê que não tem chance nenhuma. Ou então da próxima vez que ele ligar seja direta: diga que não está interessada ou que está namorando um outro cara. O problema das mulheres é que costumam ser gentis demais com quem está lhes cortejando, mesmo que não tenham interesse algum no sujeito. Cabeça de homem é diferente de cabeça de mulher, enquanto você não disser diretamente que não quer nada com ele, o cara vai continuar ligando e insistindo.

Ronaldo Faria disse...

Tatiana, muita calma nessa hora. Ninguém há de fazer nada contra você. E as suas astrólogas não deram certo: uma não é o telefone e a outra o celular está desligado. Catei um outro por aqui. Mas, obrigado. E cuide-se!
Ronaldo Faria

Tom disse...

Eu queria que fosse assim: um arroubo criativo...Uma bobagem, uma loucura ou um disfarce... fato ou pessoa citada irreal... Uma liberdade de criação para encontrar o “inconveniente”... Com um fundo musical de acordes dissonantes com quinta aumentada ou diminuta... Mas o texto é tão vivo: verossímil...

Anônimo disse...

Um conselho prático: vá a delagacia da mulher e diga que foi ameaçada. Você foi.Esse tipo de maluco tem pavor dessa reação. Ainda mais na idade dele.
Ele será chamado, e rápidamente desaparecerá da sua vida.Irá procurar outra para projetar suas frustações.
Não é justo nem funciona botar os amigos, ainda mais músicos, de segurança.
Calma e força nesta hora.
Um amigo Experiente.

Dani disse...

Tati,
Muda o celular já.
E se cuida, menina.
Bjs.

Vivien disse...

ihhhh....totalmente Atração Fatal... credo, que medo. E eu ainda torci pra vc dar uma chance pro fulano, heim?vixe.

Tatiana disse...

já botei o nome do fulano na boca do sapo!!!

Anônimo disse...

Seu amigo experiente tem razão!
Você não é uma menininha para pedir ajuda para amigos nessa hora.Nem merece ficar tensa se estiver tocando e esse mala aparecer no bar. Ir à delgacia da mulher é chato, o astral é ruim, mas pode doer menos do q sala de espera de dentista. E quando for chamado pela delegada o panaca vai sentir a pressão. Não pode nem te ligar, sem essa de mudar o celular,
se não a dura em uma muito escura viatura vai na dele.
Ele some come nota de cem. Pelo menos da minha carteira, ha, ha,ha...