terça-feira, 26 de maio de 2009

Banho

O dia estava nublado e os cachorros queriam ficar dentro de casa por causa dos trovões, mas estavam com aquele odor característico e assim não dá. Tá bom, vai. Fico com pena.
Dia de banho de cachorro!
Não quero saber se está frio, cinza, eu dou um jeito nisso. Dou banho em todos no box, seco com secador e tá feito.
Cacau! Cacau, não foge que é dia de banho. Cacau! Volta aqui. Ai, caramba, solta o batente da porta, Cacau. Senta aí e fica quieta. É água quente, meu bem, ó que gostosinho. Deixa eu ver..shampo de babosa. Meu Deus, tá ficando careca, Cacau, quanto pelo! Ai, entupiu o ralo. Virge, já saindo água pra fora do box. Cacau, não sacode agora que vai sujar todo o azulejo...bosta...Puxa vida, que trabalheira. Olha veja só que cachorra mais linda, toda perfumosa! Assim a gente nem repara nos calombos do seu corpinho. Lindona!
Tila, vem que agora é você. Tila, eu não vou te chamar outra vez. Tila! Eu te arrasto, não tem problema que eu te arrasto até o box. Não, Tila! Solta o tapete! Tila, larga a merda do tapete que ela vai molhar todo. Molhou. Merda. Tila, deixa eu lavar o sovaco. Não, Tila, não come a espuma que faz mal. Poxa, Tila, arrotar na minha cara é sacanagem. Tila, sua besta, não adianta morder o vento do secador, vai ficar de boca seca. Tila, não bebe essa água cheia de shampo! Tila, não sai correndo que você vai escorregar, não sequei seus pés! Tila, porra!!
Mancha, cadê o Mancha?Taí, meu amor? Não foge! Tá certo, te levo no colo. ai, Mancha, é só um banho, não é a câmara de gás! Isso, senta aí. Não, porra, Mancha, fica quieto dentro do box e vê se consegue sentar debaixo do chuveiro. Facilita, né? Que que é isso, Mancha? Deixa de sacanagem pro meu lado, rapaz! Se comporte! Não, Mancha! Não sai pra fora do box vai...sujar...tudo...Sujou a merda toda. Para com isso, Mancha! Para de se enroscar no tapete do banheiro. Mancha! Quer parar quieto que eu quero te secar com o secador! Meu amor, o secador não faz nada de mal, só seca. Ó que gostosinho. Que que é isso, Mancha? Xixi no chão? De nervoso? Vem cá que vamos lavar esse pinto de novo. Quem mandou fazer xixi? Banho é banho, vamos!Se comporta senão te tasco uma fralda geriátrica. Fica quieto, porra, assim não dá. Mancha, como você enfiou o rabo aí? Caramba, que cachorro maluco. Ai, que lindo. Parece um gremilin ruivo. Lindão. Agora estão todos lindos e cheirosos. Podem entrar em casa.

Aí eu me olho e tenho pelo de cachorro no corpo todo. Minhas paredes do box são as paredes mais cabeludas do mundo, um cheiro forte de cachorro em mim, no banheiro e nenhum, nenhuminho cachorro quer ficar dentro de casa! Agora eles querem ficar do lado de fora de casa!
Filhos da mãe, viu?

2 comentários:

Georgiana disse...

A noite começa em grande estilo com teu texto. bjos

Carô disse...

Lindos e cheirosos, foi :-)!