quarta-feira, 25 de março de 2009

Todo o dia é a mesma rotina. Não percebi como aconteceu, só que é assim. Acordo, faço meu café preto, ligo o computador, dou uma olhada em email's, orkut e venho para cá.
Minha terapia particular, minha caixa de Pandora, meu celeiro de mulas-sem-cabeça, minha tela em branco, meu novelo de pensamentos embrenhados.
Todo dia, quase sem falta.
Óbvio que muitas coisas acontecem comigo que eu não posso ou não devo escrever aqui. O preço de se ter uma boca grande e sair espalhando pelos sete mares que eu tenho um blog e blá blá blá. Me ferrei.
Tomei algumas decisões.
Escreverei menos palavrões. Serei mais fina.
Criarei um alter-ego. Não sei ainda quem é, mas está nascendo.
Serei suscinta. Essa é realmente fo...difícil.
Mentirei mais aqui porque é impressionante como tem gente que lê minhas bobagens e realmente acredita nisso. Algumas coisas são acontecimentos mas outras são meras maluquices de uma mente inquieta.
Por exemplo, vou começar a dizer que tive um encontro com ET's e fui "chipada". Se a Elba Ramalho foi, eu também quer ser. Como disse o Sonekka, depois do episódio do et a Elba é chamada de Elba Chips. Adorei a piadinha infame.
Ou então, contarei as minhas aventuras amorosoas com detalhes sórdidos. Aumentando tudo, claro. Ou não. Ou inventando situações. Ou misturando realidade e ficção. Confesso que tenho medo de fazer isso porque eu bem me conheço e sou capaz de errar na mão e ser mais sórdida do que o necessário. Já causo medo em carne e osso, imagina se ainda registro as cagadas, reais ou não.
Mudando de assunto. Uma vontade de meter minha mochila nas costas e ir ao Nepal, Índia, Marrocos, Indochina, qualquer lugar desse. Vontade de dar uam de louca e cair no mundo.
Tô em ebulição. Até eu fico com medo de mim assim.

2 comentários:

Georgiana disse...

Quando for pro mundo, eu quero ir junto. Agora, eu começo a rotina de verdade e, embora, sórdida e sacana, eu preciso dela, embora ela não precise de mim. Sejamos bravas e guerreiras. Obrigada por fazer este cantinho.

figbatera disse...

Oi Tatiana, antes de sair pelo mundo ponha o seu "podcast" aqui...ahahaha