sexta-feira, 12 de janeiro de 2007

Obrigada por cavalheiros que conseguem fazer poesia dirigindo, traçando letras no asfalto, abrindo os braços para o vento da madrugada!

Obrigada por tanta música nesse mundo. Em todos os cantos. Em tantos momentos. Até em mim.

Obrigado, meu pai, pelos cavalheiros que acompanham damas até o portão de sua casa, só para ter certeza que a dama consegue abrir o cadeado, caminhar em saltos 12 e não ser roubada por terríveis piratas urbanos.

Só faltou beijar a mão e sair cavalgando seu cavalo branco!
Gentleman é outra coisa, minha gente.

7 comentários:

LNS disse...

Adoro um gentlemen... eles te fazem se sentir a mulher mais foda e mais amada do universo, né?? Hehehe!
Beijos, Tati!

Tatiana disse...

especialmente quando tudo isso é só por gentileza mesmo!

LNS disse...

Sim sim sim, sem a menor dúvida! =]

Ronaldo Faria disse...

Para uma "grande" mulher (não só no tamanho), um grande homem...
Cuide-se. Beijos.
Ronaldo Faria

Tatiana disse...

era um amigo muito querido e muito gentil mesmo.
homens gentis são um charme. sempre

Morena disse...

Você é sortuda, isso é coisa rara hoje em dia !

gika disse...

Gentileza é imprescindivel!
Beijoks