terça-feira, 8 de setembro de 2009

Estava eu me preparando para ir a Piracicaba fazer um ensaio.
Quem passa aqui em casa me chamando pra fazer tiro ao alvo com uma besta(!)? Isso mesmo, uma besta, aquele tipo de espingarda que tem uma flecha, que a gente estica a cordinha e ...pummmmm...acerta alguma coisa. Ou não, não acerta porra nenhuma e perde a flecha.
Quem?
O moço da aposta.
Eu pergunto mais uma vez: da onde eu tiro essa energia que atrai esse tipo de gente que sai nos feriados atirando com bestas em terrenos baldios?
Só não fui toda saltitante e feliz porque tinha mesmo que fazer o ensaio.
Morri de vontade e jurei que na próxima eu iria.
Imagina só eu com uma besta na mão...afe...a própria Xena, Rainha das Selvas. Sem aquela loirinha desminligüida, por favor. Uma Xena na versão hetero, please.
Apesar que tem horas que até eu mesma acho que tenho um gosto por diversão muito, muito sapatão. Não sei de onde me aparecem essas coisas, ou essas pessoas tão esquisitas.
Mas eu adoro. De verdade. ADORO.

3 comentários:

Rafael Torinho disse...

O Tati... quarta tem futebol e ta faltando um no time... bora?

rs

bjos

Tatiana disse...

Rafa
Quinta tem depilação de virilha aqui em casa. Bora????

Georgiana disse...

Não se preocupe... tem umas coisas na minha vida que tb são assim. Embora o prof. de artes marciais da academia tenha falado que sou fraca.