quarta-feira, 8 de novembro de 2006

Há algum tempo eu fui convidada para tocar para velhinhos em um bairro distante de Americana e a médica do posto de saúde de lá faz um lindo trabalho com os idosos daquela região.
Fui algumas vezes, toquei as sete horas da manhã ( ! ) marchinhas de carnaval para um grupo animadíssimo de velhinhos e quando eu me animava demais, botava os vovôs e vovós pra sacudir além da conta, vinha a enfermeira berrando pára pára pára, media a pressão de todos, dava maçazinhas e suquinhos. Quando os batimentos cardíacos voltavam a níveis seguros, lá ia eu: ó jardineira porque estás tão triste mas o que foi te aconteceu.
Foi um sucesso, eu fiquei muito feliz de poder fazer este trabalho e ainda ganhei uma camiseta que quase nunca uso.
Ontem resolvi usar e fui na padaria.
Na fila do pão, um homem fica me olhando.
Eu vejo e finjo que não vejo.
Aí ele chega de mansinho, bem perto do meu ouvido e diz:
-Tá de folga hoje?
Eu achando que ele me conhecia do bar, respondo:
-Hoje não trabalho. Terça feira é dia de descanso, né?
E ainda sorrio para ele.
- Ó, esta semana vou lá. Vou te procurar - aquele olharzinho estranho.
-Vai onde?
-Lá no Praia Azul!
-Praia Azul??

Aí caiu a minha ficha. O bairro que eu toquei lá em Americana para os velhinhos era um bairro de prostituição!Eu me lembro que tinha muita velhinha que tinha trabalhado por anos ali. Conversei com elas e tudo mais.
Eu estava usando a tal camiseta que carrega, orgulhosamente, nas costas, em letras garrafais, as siglas: Centro de Saúde do Bairro de Praia Azul.
C.S.B Praia Azul.
O cara achou que trabalhava lá!
Como puta!

Nem tentei explicar. Peguei meu pãozinho, dei a volta rápido, voltei pra casa, tirei a camisa e jurei que nunca amais usava aquela merda. Nem pra dormir!

Eu, puta do Praia Azul, veja lá se tenho cara de puta do Praia Azul...


6 comentários:

Vivien disse...

ATENÇÃO LEITORES: O pessoal da Praia Azul dedica para Tati Rocha a seguinte música..."vooooolta...vem viver outra vez ao meu lado...não consigo dormir sem teu braço..."..hahahah.
Olha, terça feira é "dia de descanso", mas teu fã vai aparecer lá te procurando, heim...rs

Bruno Ribeiro disse...

E quem não te conhece acha que você inventa essas coisas. Tsc, tsc.

Tatiana disse...

Pis é, Bruno, pois é!
Cada coisa que eu passo, viu!
E ainda tenho que ouvir a gozação da Vivien! ha ha ha ha
"Voooolta vem viver outra vez ao meu lado" é de foder!
ha ha ha ha ha ha ha ha ha

Mamy disse...

Hahahahahah... essa foi demais!!!

Clélia Riquino disse...

História divertidíssima, Tatiana...
A observação do Bruno foi essencial!
bjo,
Clélia

Anônimo disse...

eu moro na praia azul oq mais tem aq eh putas e noias