segunda-feira, 28 de novembro de 2005

ela e eles


Tenho uma amiga que tem a fantasia de ver dois homens transando. Isso mesmo. Ela quer ficar olhando dois caras se atracarem e se sobrar uma lasquinha ela vai feliz da vida.
Pra fazer a moça contente eu e um amigo gay resolvemos levá-la a uma boate daqui da cidade, longe pra dedéu, quase saindo de Campinas.
Quando ela entrou e viu aqueles moços todos fortões, cheirosos, arrumadérrimos quase teve um piti. Logo na entrada viu dois caras enormes dando um baita de um beijão. Ficou tão impressionada que foi chegando perto pra ver melhor, foi chegando e quando se deu conta estava a dois dedos das duas bocas. Tivemos que arrastar pra longe porque, daqui a pouco, ela pulava no meio do beijo.
Minha amiga parecia criança em loja de doce. Queria passar a mão em todo mundo, queria provar quem passasse em volta, ela gritava:
-Obrigado, meu pai, obrigado! Não é possível? Aquele ali, lindo daquele jeito, é viado? Eu queria ser homem agora!!! Eu vou lá conversar com ele, pode ser um momento de dúvida, uma tendência passageira para a viadagem!!! Eu vou lá!!
E meu amigo, muito sábio e viado, dizendo:
-Desencana, minha filha. Aqui, o máximo que você vai conseguir é um cara que corte teu cabelo ou faça a tua unha. Desista.
Olhando pra mim dizia:
-Segura ela, hein! Vai acabar apanhando!!!!

E ela teve que aceitar que ali, nós mulheres, éramos coisinha pouca.
Dançamos como se adorássemos o bate-estaca que rolava, rimos, nos divertimos vendo quatro rapazes rebolando nas gaiolas com sunguinha de oncinha, gritávamos lindo lindo lindo você é uma bicha linda! imitamos as bichinhas fazendo passos de balé em pleno salão e tivemos que fugir muito das moças taradas que também freqüentavam a boate.
E a minha amiga realmente se deu bem. Conheceu uma bicha engraçadíssima que, de tão amigo que ficou, cortou seus cabelos de graça por muito tempo.

8 comentários:

Anônimo disse...

Programa de viado, isso sim!!!

Bruno Ribeiro disse...

Tati, pra mim não rola. O meu lado feminino é gay. E a mulher que habita em mim é lésbica.

Tatiana Rocha disse...

Tati,mulher inteligente e bem humorada sai lucrando até na perda. Perde-se um homem, mas ganha-se um cabelereiro gay, de graça.kkkkkkkk

Dora W disse...

Ahahaha. Eu adoro bichas.. sempre de bom humor.. só não pise no calo delas ;)

Neumar disse...

eu? a única coisa que tenho a dizer é OBRIGADO, TATIANA!!! MUITO OBRIGADO POR TER ESTE BLOG!!!
eu tava precisando hoje, como acho que nunca precisei dele!!!
beijo carinhoso no coração!!!

Neumar disse...

estou gostando cada vez mais disso tudo por aqui...
nossa!!! a reação de tua amiga foi muito parecida com a minha, na primeira vez, aos 17 anos!!!
a primeira boate de viado a gente nunca esquece...
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Gika disse...

Aaahhh..eu adoro meus amigos gays. tenho vários e alguns tão longe que morro de saudades. E não é por causa do corte de cabelos e das unhas...ahahaha.è pelo enorme coração que els tem mesmo. Amigos de verdade. Mas um amigo cabeleireiro é sempre bão né?
Beijos

ariadne disse...

Puxa vida , aqui na roça nao tem disso... Meu cabeleireiro , que é praticamente uma irmã :-) , tem q ir ao Rio pra paquerar os fortões ... Eu tenho cumplicidades com as Bibas pois sei que se tivesse nascido homem seria do clubinho.